NÃO Seja o Macho Alfa

Encontrei um vídeo da Dra. Alexandra Horowitz no Facebook mas, infelizmente,  não consegui trazer o link para o Blog. Então eu traduzi a fala dela e coloco aqui a mensagem que ela nos passa sobre este assunto tão polêmico!

PORQUE VOCÊ NÃO DEVE ACREDITAR NA HISTÓRIA DO “MACHO ALFA”

“O mito do cão alfa é uma coisa que eu realmente odeio.

A idéia de que você deve ser o alfa, uma espécie de ser dominante sobre o seu cão, para que as coisas dentro da sua casa funcionem bem, vem de uma pesquisa ultrapassada feita com lobos em cativeiro, que mostra que em uma população fechada de lobos jovens e machos, eles estabeleceram uma hierarquia baseada na dominância, onde havia um macho alfa e este alfa se alimentava primeiro, o alfa acasalava primeiro se uma fêmea estivesse lá e daí por diante.

MAS OS CÃES NÃO SÃO ASSIM

Lobos em cativeiro, presos em um recinto pequeno são assim. Mas nem mesmo os lobos na natureza se comportam dessa maneira! Os lobos de vida livre vivem em grupos familiares, se eles são alfas eles são pais (pai e mãe). Se eles comem primeiro é porque eles é que caçaram o alimento, mas eles levam o alimento para o grupo todo se alimentar.

Criou-se todo um mito acerca de como você deve tratar seu cão quando se diz que você deve ser dominante sobre ele. Você até pode ser. Se você quer gritar e brigar com o seu cão, bem, você terá um cão assustado, que provavelmente até vai te ouvir. Porém, está não é uma relação muito agradável, e não é justo com o cão tratá-lo assim. Eu acredito que o melhor a se fazer é entender que eles na verdade são um membro da nossa família. E eu acredito que nós devemos a eles, enquanto excelentes companheiros que são para nós, pelo menos tentar entender qual é o ponto de vista deles.”

(A tradução foi feita de forma livre, não literal, porém retrata exatamente o sentido do que foi dito.)

A Dra. Alexandra Horowitz é autora de vários livros, entre eles, A Cabeça do Cachorro, um título fantástico, de leitura fácil e que deveria estar na cabeceira de qualquer pessoa que ame seu(s) peludo(s). Quem curtiu é só procurar por ela no Youtube e você vai encontrar muito material interessante.

Se você ama seu cão, entenda de uma vez por todas. Se você trabalha com eles, mais do que nunca, entenda de uma vez por todas! O mito da teoria da dominância serviu apenas para criar relações ruins entre cães e humanos, machucar os cães (física e psicologicamente) e ter humanos mordidos. É esse tipo de relação que você quer ter com o seu cão? Você quer um parceiro que lhe trate com respeito ou um submisso que tenha medo de você? Pense no tipo de pessoa que você quer ser para o seu cão, não apenas no tipo de cão que você espera que ele seja! E, diante desta reflexão, pense MUITO BEM na hora de escolher um adestrador para o seu cão e na maneira como ele vai treiná-lo.